Pesquisar este blog

sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Na volta ao Senado, Aécio diz ser vítima de "armação ardilosa" e que irá provar inocência



Falando mal do amigo que iria emprestar R$ 2 milhões? 
"Empresários inescrupulosos que se enriqueceram as custas do dinheiro publico..." 
Desculpa ai, mas o país inteiro ouviu o pedido do "empréstimo" e o meio para pegar o dito cujo do "empréstimo?".
A condescendência da justiça, o corporativismo do Congresso e a inércia da população permitiram que este político malandro continuasse na vida pública. 
Como diz o título do filme da Lava Jato " A lei é para todos", pena que tem uns que são mais "todos" que outros.

Arquivo do blog

Seguidores